1ªPágina
 

PLANO   NACIONAL   DE   NUMERAÇÃO

NOTA  EXPLICATIVA

INTRODUÇÃO

O crescimento rápido das redes de telecomunicações em Moçambique e a crescente demanda de serviços de telecomunicações, fizeram com que se revisse o plano de numeração vigente e se tomassem medidas de forma a criar espaço para novos serviços e a introdução de um clima propício a acomodação de novos operadores de telecomunicações.

Atendendo a que os números constituem um recurso limitado cuja gestão importa fazer de acordo com critérios de transparência , equidade, flexibilidade e durabilidade, urge a necessidade da publicação de um plano padrão, com a numeração do serviço telefónico fixo

O que é o Plano de Numeração?

O Plano de Numeração é o modo de organização dos números dos serviços de telecomunicações de uso público, no que se refere ao seu formato e estrutura. Consiste em grupos de algarismos os quais  contêm elementos usados para identificação de serviços, áreas geográficas, redes e clientes.

Plano de Numeração Actual

O actual plano de numeração foi desenhado tomando como premissas a arquitectura da rede baseada em comutadores analógicos, obrigando a que cada área de telecomunicações tivesse um prefixo, pressuposto que já não reflecte a realidade actual. É um plano do tipo aberto pois admite dois tipos de marcação com  comprimentos de numeração diferentes: um para chamadas locais e outro para chamadas interurbanas,.

Porquê um novo Plano Nacional de Numeração ?

O crescimento e a liberalização do sector das comunicações conduzem a novas exigências em termos de números dos serviços de telecomunicações de uso público que o plano actual não satisfaz, nomeadamente por falta de capacidade de numeração e falta  flexibilidade para acomodar diversos operadores em condições de igualdade, o que significa que, o actual plano não possui gamas de numeração suficientes para a expansão da rede em algumas áreas de telecomunicações, não possui gamas específicas para o serviço RDIS, não tem capacidade para a introdução de novos serviços (Serviços da Rede Inteligente), nem foi concebido para um ambiente multi-operador.

TRANSIÇÃO PARA O NOVO  PNN  ---  em  que  consiste?

A transição para o novo PNN (Plano Nacional de Numeração) consiste basicamente na passagem de uma numeração aberta para outra fechada de 8 dígitos na rede fixa e na substituição do algarismo zero (0) no início da marcação de chamadas interurbanas  pelo dígito "2", código do operador fixo _ TDM.

VANTAGENS

  • O plano de numeração fechado facilita a introdução da portabilidade do número.
  • Permite acomodar gamas de numeração para novos serviços.
  • Permite aumentar o número de clientes

QUANDO  VAI  SER  IMPLEMENTADO?

Com a aplicação da regra geral para a mudança, que preconiza a substituição do zero "0" pelo dois "2", código atribuído ao operador fixo _ TDM _ e com vista a facilitar a implementação uniforme e simultânea da numeração, a TDM concluiu a 31 de Maio último a mudança dos prefixos das áreas de Chókwè, de Xai Xai e de Inhambane, áreas onde a mudança se fará sem a substituição do zero pelo dígito "2", uma vez este dígito já constar no actual código de área.

Assim, considerando esta, a 2ª fase da implementação, o momento exacto da  introdução do Novo Plano de Numeração será as 00:00 horas do dia 31 de Julho de 2005. Isto significa que a partir das primeiras horas do dia 1 de Agosto de 2005, os usuários dos serviços da TDM S.A.R.L. __  Telecomunicações de Moçambique__  terão de mudar a forma de marcação de chamadas entre si, tanto nas ligações dentro da mesma província como para outras, assim como para as operadoras das redes móveis, pois estas deixarão de ter também o prefixo zero no início.

COMO  SERÁ IMPLEMENTADO?

Para facilitar o uso da nova numeração e evitar constrangimentos ao usuário do serviço fixo, sempre que for utilizada a numeração antiga, uma mensagem gravada, informando ao utilizador de que terá de passar a marcar de acordo com o novo PNN será ouvida.

Após a mudança, não será possível efectuar qualquer chamada sempre que se utilizar a marcação antiga.

CARACTERÍSTICAS DA NOVA NUMERAÇÃO

O novo Plano Nacional de Numeração é como se disse fechado. É fechado porque os números têm todos o mesmo comprimento, ou seja, têm todos o mesmo número de algarismos, a nível nacional. Trata-se de um plano uniforme em que é necessário marcar sempre a totalidade dos algarismos que compõem o número, independentemente da origem e do destino da chamada.

Marcam-se oito dígitos em todas as chamadas nacionais da rede  fixa.

FORMATO DA NOVA NUMERAÇÃO

A partir das 00H00 do dia 01 de Agosto de 2005, qualquer ligação dentro do país e na rede fixa da TDM, deverá ser feita sempre marcando os 8 dígitos. Os actuais códigos de área que são usados para efectuar chamadas interurbanas e usados como prefixos no formato anterior, passam a fazer parte integrante dos novos números, devendo antes o zero"0" do prefixo ser substituído pelo "2" que é o número do operador fixo TDM. Portanto, o formato da nova numeração é uniforme para todo o país e constituído por oito dígitos, começando sempre pelo número de identificação do operador, que para o caso da TDM é o "2".

Com a implementação do novo sistema fechado de numeração a estrutura dos novos números da TDM é a seguinte:

Província

N.º de Telefone

Exemplos

N.º Antigo

N.º  Novo
(a partir de 1.8.2005)

Maputo

21XXXXXX

431921

21431921

Gaza

Chókwè

281XXXXX

20003

28120003

Xai-Xai

282XXXXX

22300

28222300

Inhambane

293XXXXX

20240

29320240

Sofala

23XXXXXX

302547

23302547

Manica

251XXXXX

22330

25122330

Tete

252XXXXX

22700

25222700

Zambézia

24XXXXXX

213016

24213016

Nampula

26XXXXXX

215090

26215090

Niassa

271XXXXX

20919

27120919

Cabo Delgado

272XXXXX

20663

27220663

REGRAS  PARA  A MARCAÇÃO

O procedimento de marcação no serviço fixo de telefone a partir do dia 01 de Agosto é uniforme independentemente da chamada ser local ou de longa distância. Devem ser sempre marcados oito dígitos que identificam o cliente.

CHAMADAS INTERNACIONAIS

Para efectuar chamadas internacionais a partir de Moçambique, mantêm-se os procedimentos anteriores, isto é, o cliente deve  iniciar a chamada marcando "00", seguido do código do país pretendido, da cidade e depois o número pretendido.

Relativamente as chamadas internacionais de entrada, isto é, todas as chamadas provenientes do estrangeiro para Moçambique, os usuários devem acrescentar depois do código do país (Moçambique) que é 258 o "2", mantendo-se os restantes números inalteráveis.

Por exemplo:
Uma chamada proveniente da África do Sul para:

  1. Maputo  +258 2 1 43 19 21
  2. Beira     +258 2 3 30 25 47
  3. Tete      +258 2 52 22 700

NÚMEROS CURTOS

Os números abreviados da TDM a utilizar após a implementação do Novo Plano de Numeração passarão a ter quatro dígitos no lugar de três conforme têm hoje.

Exemplo:

Número Actual

A partir de 01/08

 

108

1208

Informações e reclamações de chamadas internacionais

111

1211

Relógio  falante

130

1230

Informação sobre números de telefone

170

1270

Participação de Avarias

174

1274

Informação sobre avarias

175

1275

Assistência a grandes clientes

Quaisquer  dúvidas emergentes da leitura deste informe podem ser esclarecidas ligando para o "800 123 123".

 
© 1999 2009 TDM.Todos os Direitos reservados